h1

Cientistas desenvolvem bateria nuclear portatil

outubro 16, 2009

Por volta do longínquo ano de 1800, Alessandro Volta empilhou vários pequenos discos de cobre e zinco, alternadamente separados por um tecido embebido numa solução salina. Nascia ali a pilha elétrica.

Em 1942, Enrico Fermi utilizou blocos de grafita empilhados para controlar a reação nuclear em cadeia no Chicago Pile-1, o primeiro reator de fissão nuclear. Tal reator artificial também ficou conhecido como “pilha atômica”.

Laguna_Back2Fut1plu_14out2009

Bom, voltando ao século XXI, cientistas da Universidade de Missouri (MU) estão a desenvolver uma fonte de energia elétrica portátil, a partir do decaimento radioativo. Esse tipo de fonte de energia já é utilizado em espaçonaves, só que utilizando enormes baterias por conta da demanda.

Segundo o pesquisador Jae Kwon, professor assistente de engenharia da MU, a atual versão da pequena bateria nuclear possuiria uma densidade de carga elétrica com uma ordem de grandeza seis vezes maior que os acumuladores eletroquímicos convencionais.

Laguna_PilhaNuclear_14out2009

Tais acumuladores eletro-radioativos devem ter tamanha densidade energética por um bom motivo: serão utilizados em aplicações onde os materiais convencionais fariam com que o tamanho da bateria fosse maior que o do aparelho a ser alimentado por ela. Um bom exemplo de aplicação, de tal tecnologia no futuro, seria em nanorobôs e outros sistemas eletromecânicos tão diminutos quanto. Isso, claro, se conseguirem miniaturizar ainda mais a bateria, atualmente próxima ao tamanho de uma moeda de centavo de dólar.

Via Meio Bit

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: